Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Conhecessem a Minha Irmã..." de Michelle Adams

Passatempo

Passatempo
Até 3 de Setembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sexta-feira, 18 de abril de 2014
Autor: James Dashner
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 400
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722348508

Sinopse:
Quando desperta, não sabe onde se encontra. Sons metálicos, a trepidação, um frio intenso. Sabe que o seu nome é Thomas, mas é tudo. Quando a caixa onde está para bruscamente e uma luz surge do teto que se abre, Thomas percebe que está num elevador e chegou a uma superfície desconhecida. Caras e vozes de rapazes, jovens adolescentes como ele, rodeiam-no, falando entre si. Puxam-no para fora e dão-lhe as boas vindas à Clareira. Mas no fim do seu primeiro dia naquele lugar, acontece algo inesperado - a chegada da primeira e única rapariga, Teresa. E ela traz uma mensagem que mudará todas as regras do jogo.


Opinião:
Já estava curiosa com este livro há imenso tempo. Na altura que saiu, este livro teve muitíssimo boas críticas e sendo um género literário que gosto, coloquei o nome dele na minha wishlist. A curiosidade aumentou ainda mais quando saiu o primeiro trailer do filme inspirado neste livro, sendo que o actor principal é um actor de quem gosto imenso. Assim quando o consegui fiquei imensamente curiosa para saber mais sobre o que se iria passar e sobre o que ele falava.

Thomas acorda num lugar escuro. Um lugar fechado e quadrado, sem entradas e saídas. Um lugar que de um momento para o outro começa a mover-se, sendo que esse movimento dura o que lhe parece horas. Tentando lembrar-se do que lhe tinha acontecido, fica preocupado quando apenas se lembra do seu primeiro nome Thomas. Quando a caixa pára de se mover, de repente entra imensa luz pela parte superior da mesma. E de lá aparecem inúmeras caras de dezenas de rapazes que parecem muito curiosos com a sua existência.

O lugar onde Thomas chegou é a clareira, um local onde apenas existem dezenas de rapazes, umas paredes de labirintos que se movem sozinhas e uns monstros assustadores que adoram comer rapazinhos... Um lugar cheio de mistérios e que cada vez que Thomas pergunta algo sobre estes mistérios, fica apenas com mais e mais questões sobre o que se passa naquele local.

Este é um livro onde tudo ocorre a uma velocidade alucinante, algo que acaba por estar relacionado com o próprio título do livro, sendo que esse objectivo que o livro promete acaba por ser totalmente cumprido. Thomas é uma personagem estranha logo desde que o conhecemos. Para uma pessoa que de um momento para o outro se encontra num estranho lugar, com pessoas que nunca antes tinha visto na vida, sem dúvida alguma que Thomas tinha uma atitude muito relaxada e muito curiosa a tudo e todos. E não reagia com medo a nada e ninguém, o que para uma pessoa que está num lugar novo é muito estranho.

Gostei de conhecer todos os rapazes do livro, há inúmeras personagens secundárias que acabam por ser muito importantes no percurso da histórias e são estas que acabam por a fazer mover, embora de qualquer forma Thomas seja sem dúvida alguma a personagem mais importante. Mas ver aquele local estranho do ponto de vista de diversos rapazes diferentes, foi interessante e gostei imenso desse ponto de vista. É sem dúvida alguma um livro mais para o juvenil, mas que acredito que qualquer pessoa pode gostar. As personagens são bem desenvolvidas, há vários mistérios prontos a serem desvendados e as descobertas ao longo do livro acabam por ser muito interessantes.

Apesar disso devo dizer que achei o final do livro muitíssimo apressado e deixou-me com imensas questões, mesmo imensas! Por um lado pode ter sido propositado, pois levou-me a querer ler mais e mais sobre Thomas e os amigos. Por outro lado, achei que o final foi demasiado rápido, com demasiadas perdas pelo caminho. Mas será sem dúvida uma saga que quererei acompanhar!

Experimentem e vão ver que irão gostar.

0 devaneios :