Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Conhecessem a Minha Irmã..." de Michelle Adams

Passatempo

Passatempo
Até 3 de Setembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

segunda-feira, 14 de novembro de 2016
Autora: Mamen Sanchez
ISBN: 9789897542213
Edição ou reimpressão: 03-2016
Editor: Marcador
Páginas: 284

Sinopse:
Este romance pode afetar gravemente a sua perceção pessimista da realidade. Provoca gargalhadas e a vontade imparável de mais e mais. Os seus personagens são como os filhos: quanto mais disparates fazem, mais gostamos deles. Cuidado com os corações: podem começar a sentir estranhas vontades incontroláveis.
O inexplicável Manchego será encarregue de desenredar uma trama na qual a comédia romântica se entrelaça com o drama mais ternurento, e a intriga policial dá lugar ao maior achado literário de todos os tempos. Aquilo que parece difícil acaba por ser tornar fácil e todos os problemas se afogam num mar de lágrimas… de tanto rir. Tudo isto para chegar à conclusão de que, aconteça o que acontecer, o amor consegue explicar tudo.


Opinião:
O que me chamou a atenção neste livro foi a capa. É uma capa diferente de todas aquelas em que costumo ficar de olho, mas parecia tão feminina, calma e romântica. Essa foi a razão para ter decidido ler o livro e encontrei um livro muito diferente do normal, que brinca com certas ideias pressupostas ao mesmo tempo que lida com o desaparecimento de alguém e romanceia todas as personagens.

Um inglês habituado a que tudo seja feito usando o cérebro, encontra-se num belo problema quando decide salvar o negócio da família a partir de uma das antigas filiais que se localiza em Espanha. O que parecia ser um negócio simples, acaba por ser muito complicado quando descobre uma equipa de mulheres que são as melhores amigas umas das outras, apoiando-se em tudo e tentando ao máximo que o negócio continue aberto sem despedimentos e outras "chatices" do género.

Esperançoso que todos os problemas sejam tratados da forma mais rápida e eficiente, fica admiradíssimo quando conhece aquelas mulheres espanholas que agem pelo coração e não por cabeça. Mulheres de rápido discernimento, opiniões altas e emoções à flor da pele.

Foi um livro muito diferente do normal. Esperam um romance? Um policial? Um drama? Um conhecer de culturas? Têm tudo isso, mas ao mesmo não têm nada. O autor escreve muito bem e conseguiu incorporar diversos estilos. E quando nós pensamos finalmente ter compreendido o estilo principal do autor, algo acontece que deita a nossa teoria totalmente por terra.

As personagens são extremamente "energéticas". Tentam a todo o custo salvar o emprego ao mesmo tempo que tentam descobrir melhor os seus corações e as suas paixões. Apesar de saberem que o chefe de encontra desaparecido, isso não as parece atormentar muito, pois mais uma vez, elas estão demasiado ocupadas a pensar nos seus corações e no que fazer no segundo seguinte. 

Foi um livro com um ritmo extremamente rápido, arma que o autor utilizou para caracterizar o famoso cliché pelo qual os espanhóis são conhecidos. Pela rapidez, energia e sentimentos à flor da pele.

Um livro leve e de rápida leitura, por vezes demasiado rápida para acompanhar os acontecimentos. Não desgostei, mas também não adorei.

0 devaneios :