Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"A Rapariga de Antes" de J.P. Delaney

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

terça-feira, 8 de novembro de 2016
Autora: Suzanne Collins
ISBN: 9789722357111
Edição ou reimpressão: 11-2015
Editor: Editorial Presença
Páginas: 256

Sinopse:
Enquanto escorrega pela conduta de ar atrás da irmã, Gregor suspira por mais uma peripécia na sua vida. Mas nada o preparou para a aventura que se segue. Debaixo da cidade esconde-se a Subterra, um mundo sombrio onde os humanos convivem com aranhas, morcegos, baratas e ratos gigantescos. A Subterra prepara-se para a guerra e uma profecia previu que ele mesmo, Gregor, desempenhará um papel importante. Gregor quer fugir, mas percebe que ali talvez possa desvendar o desaparecimento do pai.


Opinião:
Eu adorei os Jogos da Fome. Sim, fui uma daquelas fãs loucas, que conhecia e já tinha lido os livros antes mesmo de se terem anunciado os filmes. Como tal sei que Suzanne Collins é uma excelente escritora e estava curiosíssima para ler este seu livro. Desta vez não uma distopia young adult mas um livro infanto-juvenil.

Gregor tem uma imaginação extremamente fértil e é essa imaginação que o ajuda a ir mais além e a ultrapassar todas as dificuldades do dia a dia. Numa família triste desde que o pai, um dos seus pilares, desaparecera, Gregor cria mundos fantásticos e mágicos que o ajudam a distrair-se do mundo real.

Mas do nada esses monstros imaginários começam a fazer parte do seu dia a dia quando, depois de uma grande queda, fica bem mais pequeno e todos os bichos que eram insignificantes para si ficam bem maiores que ele, desde as pequenas moscas às aranhas enormes!!

Ao cair neste mundo, compreende de imediato que não é a primeira vez que um humano ali vai parar…. Tal como compreende que o último humano que ali se perdera era o seu pai!!

Este livro é totalmente diferente dos Jogos da Fome, por uma simples razão…. É para crianças. Mas apesar dessa grande diferença, a escrita da autora, um dos seus pontos fortes continua lá. Assim como a sua imaginação e a humanidade que dá às suas personagens. Lembro-me que odiei o final dos Jogos da Fome porque era um final demasiado real. Não era um simples feliz para sempre. Este livro é um pouco assim.

Conhecemos Gregor e a sua irmã – a minha personagem favorita em conjunto com as suas amigas aranhas –, e acompanhamos as suas aventuras. As reações, atitudes e decisões das personagens estão extremamente bem estruturadas e, na minha opinião, não é a história em si que faz o livro valer a pena, mas sim as suas personagens. 

Um livro excelente para crianças, especialmente as que adoram um bom livro de fantasia e de mundos diferentes!

0 devaneios :