Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Desejo Concedido" de Megan Maxwell

Passatempo

Passatempo
Até 3 de Setembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

quinta-feira, 8 de junho de 2017
Autora: Meredith Russo
ISBN: 9789896652197
Edição ou reimpressão: 04-2017
Editor: Nuvem de Tinta
Páginas: 264

Sinopse:
Só porque tens um passado, não quer dizer que não possas ter um futuro.
Mudar de escola no último ano e ser a miúda nova do liceu nunca é fácil para ninguém.
Amanda Hardy não é excepção: se quiser fazer amigos e sentir-se aceite, terá de baixar as defesas e deixar que os outros se aproximem.
Mas como, quando guarda um segredo tão grande?
Uma história inspiradora e comovente que nos enche o coração e nos ensina que o amor mais verdadeiro e profundo nasce da coragem de sermos nós mesmos.


Opinião:
Recebi esta prendinha em casa e fiquei muito curiosa. A sinopse era misteriosa, a capa ainda mais... As críticas na internet eram muito boas e a pontuação no goodreads acompanha a qualidade para que as críticas apontavam. Escusado será dizer que não resisti e tive que ler este livro. Que me surpreendeu pelo assunto narrado. Um "bom surpreender".

Amanda muda finalmente de cidade. Finalmente pode ser ela mesma, ser livre para fazer o que quer e começar do zero. Ali ninguém a conhece, ninguém lhe aponta o dedo, ninguém a olha de lado. Pelo menos de modo negativo, pois logo desde o início da narrativa compreendemos que Amanda é bonita, simpática e muito querida, um verdadeiro chamariz para os rapazes do liceu, o que a leva a ser popular entre eles mal chega à nova escola, algo que não estava à espera. Cuidadosa para nunca revelar aos novos colegas a verdadeira razão para ter saido da sua antiga cidade, nós enquanto leitores percebemos de imediato que antigamente Amanda era Andrew. Amanda é aquilo a que chamamos hoje em dia transgénero. Uma pessoa que sente que se encontra no corpo errado, que por muito que tente sentir-se bem consigo mesmo acha que algo de errado se passa. Uma pessoa mais forte que muitas e que decide que quer trocar de vida, de corpo, a fim de manter a mente sã.

Mas, por muito que as pessoas digam que somos abertos a novas experiências, a nossa mente não é assim tão aberta quando isso e Amanda acaba por sofrer isso na pele enquanto passava pelo doloroso processo de mudança. Ameaças, bullying, gozo que não aparentava ter fim. Tudo por Amanda ser "diferente do normal".

Neste livro vemos Amanda a redescobrir-se. A perceber que afinal é bonita na sua própria pele e que as pessoas sabem isso. E enquanto conhecemos e descobrimos a verdadeira Amanda, conhecemos também os seus estranhos e únicos amigos. Pessoas que estão um pouco sepradaos na comunidade e que são ignoradas e também elas gozadas por serem diferentes. Mas pessoas com quem Amanda sabe que pode contar. Acaba também por ficar namorada de um dos rapazes mais populares do liceu. Um rapaz perfeito na escola, mas que descobrimos que a sua vida não é assim tão perfeita quando quer aparentar.

Conhecemos diversas personagens, todas diferentes entre si e que demonstram como a sociedade perfeita não existe. Todos temos os nossos defeitos, tal como qualidades. Todos temos inseguranças que tentamos esconder e mesmo os mais confiantes têm os seus pontos fracos.

Um livro com um assunto que pode ser sensível para muitos, escrito de forma a nos colocarmos nos sapatos de Amanda para compreendermos a sua vida antes e após a mudança. Um livro que devia ser de leitura obrigatória para muitos e que me surpreendeu pela positiva.

0 devaneios :